O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Teresina, PI
Quinta, 27
Julho de 2017

10/07/2017 - 13h25min

Mocambinho recebe projeto Sefaz nos Bairros até dia 28

O projeto Sefaz nos Bairros já está em atividade no bairro Mocambinho, na zona norte de Teresina. Até o dia 28 de julho, os contribuintes podem procurar o estande da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) montado na Praça Jornalista Paulo de Tarso Moraes, mais conhecida como Praça da Telemar, e solicitar o serviço que precisa ou apenas tirar dúvidas.
Entre as ações oferecidas ao cidadão, está o cadastro na Nota Piauiense, recebimento de denúncia sobre a não emissão de documentos fiscais e consultas ao IPVA.
O Sefaz nos Bairros já passou pela zona leste, com atendimento presencial no bairro de Fátima; pela zona sudeste, com atendimento no bairro Dirceu Arcoverde; e pela zona sul, na praça do Parque Piauí, além do Centro de Teresina e bairro Marquês.
“Passamos pelo Marquês aqui na zona norte e agora chegamos ao Mocambinho. Estamos fechando essa primeira rodada de atendimento do Sefaz nos Bairros”, afirma Gilberto Holanda, coordenador do programa.
O Sefaz nos Bairros, além de atender presencialmente, realiza visita aos estabelecimentos comerciais, ocasião em que orienta os contribuintes sobre a regularidade fiscal. “Além de coibir a concorrência desleal, esse trabalho de orientação que a Sefaz está realizando pode evitar que esses contribuintes sejam penalizados. A regularidade desses estabelecidos é necessária porque permite que o Estado faça mais investimentos na saúde, educação, segurança, ou seja, que realize mais benefício em prol da população”, afirma Gilberto.
Participam também do Sefaz nos Bairros, o Procon; a Delegacia de Combate a Crimes Tributários (Deccortec) e as unidades de Fiscalização de Empresas (Unifis); de Atendimento (Unicat) e de Fiscalização de Mercadorias em Trânsito (Unitran) da Sefaz.
“O objetivo é aproximar a Secretaria da Fazenda do comerciante; do consumidor e da população de uma forma geral que, pela distância institucional, muitas vezes desconhece os serviços que temos para oferecer e as formas que temos para ajudar o cidadão”, finaliza Gilberto Holanda.