Jogo Aberto - Noticias - Mantega apresenta à Justiça documentos sobre conta na Suíça e depósitos de quase US$ 1,3 milhão

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Teresina, PI
Sexta, 17
Agosto de 2018

08/06/2018 - 19h37min

Mantega apresenta à Justiça documentos sobre conta na Suíça e depósitos de quase US$ 1,3 milhão

A defesa do ex-ministro da Fazenda Guido Mantega apresentou à Justiça Federal do Paraná esclarecimentos sobre uma conta do cliente na Suíça e do recebimento de quase US$ 1,3 milhão, depositado em duas vezes por Victor Sandri. Segundo Mantega, o dinheiro é lícito.
A informação foi divulgada nesta sexta-feira (8) pela jornalista Mônica Bergamo, da "Folha de São Paulo".
Sandri foi apontado como intermediador de propina para o ex-ministro na delação de Joesley Batista, dono do grupo J&F.
Os documentos – aos quais a RPC e o G1 também tiveram acesso – foram anexados na quarta-feira (6) ao processo eletrônico, no âmbito da Operação Lava Jato, que está sob a responsabilidade do juiz Sérgio Moro.
Sérgio Moro havia pedido à defesa de Mantega para explicar a origem desse dinheiro. O ex-ministro não é réu na Lava Jato.

Guido Mantega relata depósito de empresário em conta do exterior
A origem do dinheiro
A origem dos ativos mantidos na conta, de acordo com a petição apresentada pelos advogados do ex-ministro, é um negócio imobiliário realizado com a construtora de Sandri.
O negócio foi a permuta de um imóvel que Mantega herdou do pai, Giuseppe Mantega, por unidades de um edifício construído no local.
O empreendimento imobiliário fica no Jardim Paulista, em São Paulo (SP), e foi concluído no fim de 2005.
G1 






16/08/2018 - 08h12min
O Brasil conspira contra o Brasil