O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Teresina, PI
Domingo, 22
Julho de 2018

19/06/2018 - 10h14min

Saques do Fundo PIS-Pasep não devem impulsionar o PIB como FGTS inativo, dizem analistas

A liberação do pagamento de recursos do Fundo PIS-Pasep pelo governo pode ter um impacto positivo sobre o Produto Interno Bruto (PIB) deste ano, mas ele deve ser menor que os saques de contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) em 2017. Pelo menos essa é a expectativa de analistas ouvidos pelo G1.
Começou na segunda-feira o pagamento dos recursos do Fundo PIS-Pasep para quem tem a partir de 57 anos. Têm direito a esse dinheiro os trabalhadores de organizações públicas e privadas que contribuíram para o PIS ou para o Pasep até 4 de outubro de 1988 e que não tenham resgatado todo o saldo. Quem passou a contribuir após essa data não tem saldos para resgate.
VEJA PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PIS-PASEP
Em 2017, o consumo das famílias foi, ao lado do agronegócio, um dos puxadores do crescimento do PIB. E o avanço do consumo foi mais intenso no segundo e no terceiro trimestre do ano, indicando a influência dos saques do FGTS. Para as retiradas do PIS-Pasep, no entanto, a estimativa é diferente.
G1 

21/07/2018 - 16h26min
A reinvenção do dinheiro

21/07/2018 - 16h19min
As duas faces de Trump

21/07/2018 - 16h16min
Racha na banca de Lula

21/07/2018 - 16h11min
Em favor da vacina